Depoimento: Fernanda Soares

Me chamo Fernanda, e a quase um ano atrás, fiz a minha tão sonhada cirurgia de escoliose! Motivo: eu nasci com uma má formação em uma das vértebras da coluna, um dos meus ossos vertebrais tem o formato de um círculo. Como se já não fosse pouco, minha mãe sofreu com complicações no meu parto e tive que ser puxada a ferro (FÓRCEPS).

Enquanto criança até o início da minha adolescência, não cheguei a sofrer tanto com a escoliose, tanto que nem cheguei a fazer acompanhamento. Mas com 12 pra 13 anos o problema começou a agravar, que foi no período que comecei a desenvolver mais.

Fiz um leve acompanhamento, na primeira consulta 28 graus, na segunda um pouco mais 32 graus, aí foi aumentando… aumentando… E terminei fazendo a minha cirurgia com 46 graus.

Atualmente, tenho 22 parafusos, 2 hastes, vários ganchos.. e um grau minúsculo de escoliose.

Eu tinha bastante receio de fazer a cirurgia, mas nunca tive medo, meu receio era pelas pessoas ao meu redor, criticando e falando "Fulano fez isso e até hoje sofre com o problema X ou Y". Então em todas as minhas consultas eu ia tirando minhas dúvidas e aos poucos acabando com o receio.

SOBRE O PRÉ CIRÚRGICO:

Meu médico pediu, ressonância magnética, uma série de raios-x, exames de sangue e uma consulta com a anestesista.

Na consulta com a anestesista:

Eu tomo anticoncepcional injetável, e tive um pouco de vergonha de falar na hora (IDIOTICE), ela pede para que você informe a ela qualquer medicamento que você tome... Depois disso te passa uma lista, na qual você vai assinalar a todos os itens sobre perguntas de saúde: se tem pressão baixa, alergia a alguma medicação, problema de coração, respiração e etc. O meu próximo passo depois disso tudo foi aguardar o dia, que ocorreu em 02/08/2016.

PREPARATÓRIO

Antes de ir pro hospital, eu preparei uma mala como se fosse ficar de férias. Coloquei diversas roupas, maquiagem, coisa de cabelo..E ACABEI QUE NÃO USEI QUASE NADA!

Indico a vocês que na hora de fazer a mala, leve..Cobertor grossinho, roupas íntimas e material de higiene, e uma roupa para sair do hospital. Pois no hospital, até mais ou menos um, dois dias após a cirurgia, ficamos com dreno para xixi e dreno para secreções, então quase não levantamos, até porque levantar é um sacrifício, parece que a gravidade para nós não existe mais!

Comidas, NÃO LEVE! Levei várias coisinhas que como num dia comum, e não comi nadinha! É só tortura.. E lá eles têm sua dieta certinha, recomendada pelo médico.

A CIRURGIA:

Minha cirurgia durou 5 horas e meia, minha observação no hospital durou 4 dias. Eu era super danada Queria andar pelos corredores, ir ao banheiro sozinha.. E quando o médico me viu assim, levantando o tronco, levantando sozinha da cama (que é super difícil nos primeiros dias) ele logo disse que se continuasse assim, ficaria de alta logo logo!

Não tenham medo, os riscos que essa cirurgia tinha, vão ficando cada vez mais extintos com o passar dos anos! Dúvidas do seu médico? PESQUISE, PROCURE SOBRE ELE NA INTERNET, VEJA QUANTAS CIRURGIAS ELE JÁ FEZ.. Isso tudo eu fiz. É uma coisa pro nosso bem, pensamento positivo!

Você também pode gostar de

0 comentários